Wednesday, 4 March 2015

Fabaceae - Swartzia apetala Raddi

 Flores monoclamídeas, cálice rompendo irregularmente, estames heteromórficos (f. 1)
 Frutos amarelo, estipitado, semente preta com arilo branco (f. 2)
 Sementes elípticas, monocromadas, castanhas, testa lisa (f. 3)
Hilo basal, elíptico (f. 4)

Leguminosae - Papilionoideae - Swartzieae – Swartzia Schreb. 140 espécies (ca. 200 para Torke 2007)

No Brasil ocorrem 111 espécies das quais 62 são endêmicas (Mansano et al. 2015).

Swartzia apetala Raddi, Mem. Mat. Fis. Soc. ital. Sci. Moderna 18(2): 398. 1820.

Planta arbustiva, caule cilíndrico, inermes, glabros. Folhas compostas, imparipinadas, 3 pares de juga, opostas, raque não alada; folíolos 7-11, oblongos, elípticos, ápice cuspidado, margem inteira, base cuneada, arredondada, coriaceae, estipelas 2 por par de folíolos. Inflorescência axilar; racemo laxo; pedicelo longo; botões globoides; cálice verde, rompendo-se irregularmente, corola ausente; androceu n, polistêmone, livres, estames heteromórficos, 2 funcionais e n estaminódios; gineceu 1, ovário estipitado, glabro, incurvado, verde, bem desenvolvido. Fruto legume, estipitado, valvas amarelas. Semente elíptica, monocromada, castanha, testa lisa, arilo branco, hilo elíptico.

Comentário

Bentham (1862) em seu tratamento na flora Brasiliensis separou esse gênero em categoria de série são elas: Serie unifoiliolatae, Pteropodae, Tounatae, Tounateoideae, Orthostyler, Stenantherae e Cyathocalycinae. S. apetala estava inserida na serie Tounatae que se caracteriza por apresentar folhas numerosas, pecíolo comumente cilíndrico, ou em espécies 3 anteriores. Estilete breve, obtuso, uncinado inflexo.

Mansano; Lima (2007) ao estudarem este grupo para o Rio de Janeiro encontraram duas espécies onde a pétala é ausente: Swartzia apetala var. apetala e S. apetala var. glabra e S. pilifera, onde as primeiras apresentam ovário glabro e a segunda ovário lanoso.

Determinador: Vidal Mansano

Nome popular: Arruda mirim

Fotografias: Flores:  Lucas de Almeida Silva - Espírito Santo, fruto: Rubens Teixeira de Queiroz - Capela - Sergipe

Referências

-Bentham, G. 1870.  Flora Brasiliensis 15(2): 30.
-Mansano, V. de & Lima, J.R. 2007.O gênero Swartzia Schreb. (Leguminosae, Papilionoideae) no estado do Rio de Janeiro. Rodriguésia 58 (2): 469-483. 2007
-Mansano, V.F.; Pinto, R.B.; Torke, B.M. 2015. Swartzia in Lista de Espécies da Flora do Brasil. Jardim Botânico do Rio de Janeiro. 
-Torke, B. M. 2007. New combinations and specieslevel synonyms in Swartzia (Fabaceae: Papilionoideae). Novon 17: 110-119.

Exsicatas

2 comments:

  1. Bom dia Rubens. Temos um arbusto desse aqui em casa, não sabíamos o que era. Descobrimos o nome através do professor e biólogo Valdely Kinupp. Buscamos na internet e chegamos no seu blog. Poderia nos dizer se esse fruto ou outra parte da planta tem algum uso alimentício ou medicinal? Somos totalmente leigos no assunto, mas estamos nos dedicando à alimentação natural. E achamos lindo esse arbusto que nasceu espontaneamente em nossa casa. Agradecemos antecipadamente a atenção. Loyde Machado e Antonio Machado

    ReplyDelete
  2. Olá Loyde,

    Então, envie a foto do fruto para rbotanico@gmail.com que vou tentar descobrir o quem é sua espécie!

    ReplyDelete